Olá, meus amores! Já está sem graça eu começar pedindo desculpa por atraso, não é mesmo? Eu prometi que esta resenha sairia ontem, mas dessa vez o motivo foi legal: comprei meu PC novo! Demorou um tempão pra organizá-lo e começar a trabalhar, por isso, mil perdões por descumprir o prometido. De toda forma, daqui a pouco sai a resenha dos lápis não-aquareláveis, juro juradinho!






Vamos ao que interessa. Hoje vamos comparar os lápis de cor aquareláveis da Bic e da Faber Castell (por favor, me falem se tem no mercado outras marcas com linhas aquareláveis). Eu decidi separar dos não-aquareláveis por ser injusto comparar todos juntos: a pigmentação e a maciez dos aquareláveis são incomparáveis. Para fazer uma análise justa, fiz os testes dos dois em superfície firmes, a quantidade de cores não está sendo julgada e brindes que não interferem nos resultados serão desconsiderados (como lápis grafite, borrachas, apontadores, etc.).


Resistência da ponta e facilidade de apontar

Até agora, não tenho nada a reclamar da resistência das pontas das duas marcas. Nunca notei nenhum um problema em vê-las quebrando com facilidade. Sobre facilidade de apontar, a Bic se destaca: o revestimento dos lápis é semelhante aos dos conhecidos lápis grafite, que mais parece uma borracha do que madeira. É muito fácil de apontar, muito macio. Ouvi algumas críticas sobre apontar os Faber, mas sinceramente não notei nenhum problema. Vale ressaltar que é necessário ter um bom apontador, pois, caso o contrário, nenhum lápis será bom o suficiente para apontar.


Pigmentação e maciez

Nos dois quesitos, a Faber Castell ganha. A maciez dos lápis Bic é boa e satisfatória, mas a dos Faber Castell é notavelmente superior. Por esta razão, a pigmentação segue as mesmas classificações: a cor dos Faber são tão fortes e vivas que parecem com de giz de cera. Na foto acima, fiz o teste em uma folha sulfite comum e em uma página de gabarito do livro Floresta Encantada. Observe que a cor da embalagem dos lápis é muito parecida uma com a outra, e dá para ver que os tons são semelhantes. A diferença de cor é realmente da pigmentação (e eu me dediquei muito a tentar escurecer o Bic).


Cor da embalagem x Cor do conteúdo


Na parte de cima da imagem estão os lápis Bic, e na de baixo, os Faber Castell. Neste quesito, não identifiquei nenhum problema notável, em nenhuma das duas marcas, de diferença entre a cor do conteúdo e a cor da embalagem. No máximo, percebe-se um pouco mais de diferença na Bic, mas a culpa é da pigmentação mesmo.



Aquarelamento

Não senti nenhuma dificuldade em aquarelar nenhuma das suas marcas. O que percebi é que, como a pigmentação dos Faber é mais forte, a quantidade de tinta formada é bem maior. Percebi também dificuldade em fazer degradê de cor entre o amarelo, o laranja e o vermelho nas duas marcas, mas isso já é outra história.


Preço

O preço de uma caixa de lápis de 12 cores da Bic ou da Faber é muito parecido: entre R$ 12 e R$ 15, dependendo do lugar. Não é lá um preço muuuuy amigo, mas está no padrão, e pode-se considerar justo devido a qualidade dos produtos.



Extras

Os produtos não têm muitos extras, com exceção do pincel de aquarelar que vem na caixa da Faber Castell. Honestamente, acho que é algo meio óbvio que deveria vir em todas as caixas de lápis aquareláveis, mas a Bic não o fornece. Mesmo assim, eu não gostei do pincel; é grande e molenga, o que inviabiliza o uso em espaços pequenos.



Enfim, o quadro geral fica assim:



Então é isso, galera! Não deixem de opinar sobre os lápis avaliados e me falarem sobre outros que possa testar.

Um beijão, e até logo!





13 Comentários

  1. Daiane, tem os da marca Staedtler, mas eu só encontrei pra comprar em lojas virtuais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eita, tem mesmo? Vou procurar! Valeu pela dica :D

      Excluir
  2. Vale pela dica. Pelo visto vou comprar o da faber mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A galera me avisou sobre outras marcas que têm lápis aquareláveis também, dá uma pesquisada. Mas realmente o Faber vale super a pena :D

      Excluir
  3. Vale pela dica. Pelo visto vou comprar o da faber mesmo.

    ResponderExcluir
  4. Tem as marcas Maped e Norma aquareláveis. Não conheço, mas ouvi boas referências

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hmm... Eu estou só esperando gastar mais estes para testar novas marcas e fazer mais batalhas aqui! :D

      Excluir
  5. E eu estou nesse momento na maior dúvida entre as duas marcas :(
    Quero comprar lápis de cor, os normais e aquareláveis, mas não sei a marca. Bom, pelo seu post, devo ficar com a Faber.
    Beijinhos :*
    www.vidadebloguette.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Faber é uma excelente opção mesmo, não me arrependi de comprar. Mas olha no YouTube vários vídeos sobre isso, tem muitas marcas que a galera está descobrindo e que eu tô bem ansiosa pra testar kkkk Beeijos :*

      Excluir
  6. Estava procurando muito um post que fizesse essa comparação que você fez! rs Vale muito fazer mais um com os lápis aquareláveis da Staedtler também!! Obrigada pela dica, acho que vou de Faber!

    ResponderExcluir
  7. nossa e eu pensei que o aquarela da bic era ruim comparado com os lapis dela de 24 evolution que não curti mas até que se saiu bem vou compra ele agora só por ter visto sua resenhar vlw.

    ResponderExcluir